Promotor de Justiça Paulo César Freitas é remanejado para comarca de Belo Horizonte

Paulo César atuava há 16 anos em Patos de Minas.

Igor Nunes
25/06/2020 - 15h18

Promotor de Justiça Paulo César Freitas é remanejado para comarca de Belo Horizonte

Há 16 anos em atuação no Ministério Público de Patos de Minas, o Promotor Paulo César Freitas foi remanejado para 152° vaga para promotor de justiça auxiliar na circunscrição de Belo Horizonte, a decisão foi protocolada na terça-feira (23/06). A vaga que ficou em aberto na 2° promotoria da cidade, será assumida por Hamilton Pires Ribeiro.

Os feitos de Paulo Freitas para a justiça na Capital do Milho são vários, ele atuou na Vara Criminal, e esteve também, na promotoria de defesa ao patrimônio público, na controladoria do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO) e varas cíveis.

O promotor encaminhou a seguinte nota para a imprensa local:

“Após 16 anos de serviços prestados à Comarca de Patos de Minas, é com imensa alegria que comunico a minha ida para Belo Horizonte, com a conquista de mais um sonho de carreira, muito embora não possa deixar de registar o meu profundo pesar por deixar esta cidade que aprendemos a amar e a cuidar como se fosse nossa. Assumimos, a nosso pedido, o cargo de Promotor de Justiça da capital. Atuaremos, de início, no 100º cargo junto à 12ª Promotoria Criminal de Belo Horizonte. Ao dar mais um enorme passo na carreira, realizando o sonho que viemos construindo ao longo dos anos, deixamos esta terra com a sensação de dever cumprido, com mais de uma década e meia inteiramente dedicada à busca da Justiça, quer perante o tribunal do júri, quer na promotoria de defesa do patrimônio público, quer, mais recentemente, no comando do Gaeco Regional ou junto às Varas Cíveis. Deixamos, também a nosso pedido, em recente data, a Coordenação do Gaeco, uma vez mais após cumprir a nossa missão, para que os  novos rumos almejados na carreira se tornassem possíveis. Agradecemos a todos que sempre acreditaram e apoiaram o nosso trabalho em Patos de Minas:  magistrados, servidores, colegas de Ministério Público, integrantes das polícias e demais forças públicas e, em especial, ao jornalismo sério e honesto sem o qual o nosso trabalho não teria alcançado tamanho sucesso e reconhecimento! O aprendizado que aqui colhemos com certeza nos servirá como norte para o enfrentamento e o combate à criminalidade na capital do Estado, onde mais um grande desafio nos espera!”

Patos Notícias


Patos Notícias


Patos Notícias