Servidor municipal da Vigilância Sanitária de Patos de Minas morre com suspeita de COVID-19

Maurílio Braga tinha outras doenças pré-existentes e quadro de saúde evoluiu rapidamente.

Igor Nunes
15/05/2020 - 19h00

Servidor municipal da Vigilância Sanitária de Patos de Minas morre com suspeita de COVID-19

Um servidor da Vigilância Sanitária de Patos de Minas morreu com suspeita de coronavírus (COVID-19). A nota de pesar foi publicada pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Patos de Minas. O óbito ocorreu nesta sexta-feira (15/05) no Hospital Regional Antônio Dias. Maurílio Gerônimo Braga tinha 53 anos, era considerado um servidor exemplar e estava envolvido na missão de enfrentar o coronavírus em Patos de Minas. 

Segundo informações da Assessoria de Comunicação, Maurílio apresentou sintomas do COVID-19 e foi encaminhado para Unidade de Pronto-Atendimento - UPA Porte III. Ele foi transferido e internado no Hospital Regional Antônio Dias, onde teve amostra coletada e enviada ao latório do Campus de Rio Paranaíba da Universidade Federal de Viçosa. Maurílio também apresentava doenças pré-existentes como diabetes, hipertensão e comprometimento renal. O quadro de saúde dele evoluiu de forma acelerada. 

Como fiscal, Maurilio esteve presente em fiscalizações noturnas, atuando sempre em favor e pela proteção da comunidade. Ele residia em Patos de Minas, mas é natural de Lagoa Formosa.


  • Galeria

Patos Notícias


Patos Notícias