Defesa Civil, prefeitura e Codema analisam erosão na Rua São Geraldo

A secretaria municipal de obras públicas vai realizar uma intervenção para conter novos deslizamentos.

Igor Nunes
24/01/2020 - 11h26

Defesa Civil, prefeitura e Codema analisam erosão na Rua São Geraldo

A Defesa Civil, o Codema e a Prefeitura de Patos de Minas estiveram às margens do Córrego Água Limpa, na ponte da Rua São Geraldo, para analisar os riscos e buscar intervenções imediatas para evitar novas erosões. Segundo o coordenador do Coordenador do Centro Integrado de Comando e Controle Regional da Defesa Civil, tenente Fernandes, o local não oferece riscos para a rua ou para os imóveis adjacentes.

Equipes da Prefeitura estiveram no local para estudar medidas que podem ser feitas de imediato para evitar que novas erosões aconteçam. Segundo o diretor municipal de serviços públicos e saneamento, Jair Valadão, a erosão foi causada por chuvas torrenciais, mas não causa riscos de queda de rua ou imóveis. Alinhado com a Defesa Civil e com o Codema, a prefeitura vai tomar algumas medidas para impedir as erosões. Além disso, a prefeitura vai realizar obras no local quando o tempo ficar mais estável.

O coordenador do Codema, Ivanildo Alves, disse que o local é uma Área de Preservação Permanente – APP, mas que pode sofrer intervenções por parte da prefeitura, já que é utilidade pública e interesse social. Ele ressalta que a situação é crítica e a intervenção é benéfica também para o meio ambiente.

Tenente Fernandes ressaltou que não há riscos. A prefeitura vai fazer uma intervenção imediata no local e para que as obras aconteçam, a Rua São Geraldo será interditada durante todo o trabalho dos servidores municipais e as máquinas. “Isso é para que a equipe possa executar o trabalho com segurança”, finalizou.


  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias

Patos Notícias


Patos Notícias


Patos Notícias