Travesti assassinada em Uberlândia é sepultada em Patos de Minas

A vítima foi morta no último domingo (29).

01/10/2019 - 09h25

Travesti assassinada em Uberlândia é sepultada em Patos de Minas

A travesti patense Junia, assassinada na madrugada desde domingo (29), na cidade de Uberlândia foi sepultada em Patos de Minas.

Segundo o boletim de ocorrência, a Polícia Militar (PM) foi acionada por uma testemunha que não quis se identificar relatando que havia uma pessoa morta na Rua Canoas, Bairro Morumbi.

Chegando no local, os militares encontraram a travesti Genilson Bispo Franco, mais conhecida como “Junia”, morta com vários sinais de violência e com muito sangue pelo corpo.

O perito da Polícia Civil esteve no local e constatou que ela foi morta após ser atingida por pelo mesmos 13 golpes de um instrumento cortante.

O copo de Junia foi levado para o IML e depois transladado para a cidade de Patos de Minas, onde foi velada e sepultada. Até o momento não há informações sobre a autoria e a motivação.

Fonte e Fotos: Toninho Cury