Açougueiro é atingido por quatro tiros em Carmo do Paranaíba

O incidente ocorreu no Bairro Morro Grande.

06/09/2019 - 11h11

Açougueiro é atingido por quatro tiros em Carmo do Paranaíba

Um açougueiro da cidade de Carmo foi atingido por 4 disparos de arma de fogo, quando se preparava para entrar na garagem da residência onde mora, na Rua H, no Bairro Morro Grande. O fato ocorreu por volta das 22h30min, e a Polícia Militar (PM) foi acionada por funcionários da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), relatando que um homem de 55 anos, havia dado entrada naquela unidade médica com várias perfurações no corpo feitas por tiros.

De acordo com o boletim de ocorrência, imediatamente uma guarnição da PM se dirigiu até local, onde em contato com o médico de plantão, ficou constato que a vítima José Humberto Elias Machado, tinha sido atingida no braço e mão direita e na região dorsal, sendo que o ferido apresentava quadro clínico muito grave e seria transferido para o Hospital Regional, na cidade de Patos de Minas.

Em conversa com a esposa da vítima, Gasparina Moreira de Souza, a mulher contou aos militares que ela e o marido chegavam a casa onde moram, mas no momento em que José Humberto se preparava para abrir a garagem do imóvel para guardar o veículo VW/Gol, cor prata, que eles se encontravam, apareceu repentinamente dois indivíduos encapuzados, sendo que um deles segurava uma arma de fogo.

Com isso, o suspeito que estava com a arma levantou o capuz e gritou “perdeu perdeu”. Logo após o autor efetuou vários disparos contra a vítima. Muito nervosa, Gasparina, conseguiu pedir ajuda de vizinhos e socorreu o marido até a UPA. Ela ressaltou ainda que os disparos foram efetuados contra o motorista pelo lado do passageiro. Ao menos seis disparos atingiram o vidro da porta do carro.

A esposa falou que já viu o autor no açougue que José Humberto é proprietário, mas não soube dizer quem é, principalmente, devido ao estado emocional em que ela se encontrava. Por último os policiais foram o local dos disparos, mas não conseguiram levantar dados que pudessem leva-los até os autores do crime. A reportagem não recebeu informações sobre o estado de saúde da vítima nesta manhã de sexta (06). O carro do açougueiro foi removido para que a perícia da Polícia Civil possa realizar os trabalhos técnicos.


  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
Fonte: Vanderlei Gontijo
Fotos: Júlio César