Corpo de Bombeiros emite nota alertando sobre falsa cobrança de taxa de incêndio por e-mail

A nota foi emitida devido ao relato de diversos patenses que receberam a nota fraudulenta.

Caio Machado
13/08/2019 - 11h50

Corpo de Bombeiros emite nota alertando sobre falsa cobrança de taxa de incêndio por e-mail Imagem ilustrativa

Devido ao fato de diversos patenses estarem recebendo um e-mail falso sobre a suposta cobrança de taxa de incêndio, o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais emitiu uma nota sobre cautelas a serem tomadas a respeito do fato.

Leia o texto na íntegra a seguir:

NOTA À IMPRENSA

 

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais vem a público esclarecer que não envia boleto de cobrança de taxa de incêndio por correio eletrônico (e-mail).

Foi detectado que alguns cidadãos em Patos de Minas e Região estão recebendo um e-mail fraudulento, fazendo se passar como uma guia de pagamento da taxa de incêndio. Ressaltamos que a prática se constitui como um golpe e que o cidadão que se deparar com tal situação não deve realizar nenhum tipo de pagamento e deve denunciar a prática à Polícia Civil para responsabilização dos estelionatários.

O CBMMG ressalta que o pagamento da taxa de incêndio é feito somente via Documento de Arrecadação Estadual (DAE) enviado pelos Correios ou emitido por meio do site oficial da Secretaria de Estado da Fazenda. Não há envio de guia por meio de e-mail.

Qualquer dúvida a respeito da taxa de incêndio pode ser sanada por meio dos canais oficiais de comunicação do CBMMG ou por meio do sítio eletrônico da Secretaria de Estado da Fazenda (www.sef.mg.gov.br).

O Serviço de Inteligência do CBMMG e a Polícia Civil já adotaram as medidas legais necessárias no sentido de identificar e responsabilizar os envolvidos.

 

Décimo Segundo Batalhão de Bombeiros Militar

Patos de Minas - MG