Adolescentes são flagrados em festa regada por bebida alcóolica no Bairro Bela Vista

Dois jovens de 18 anos, apontados como os responsáveis pelo local e pela festa, foram presos.

Igor Nunes
10/08/2019 - 11h26

Adolescentes são flagrados em festa regada por bebida alcóolica no Bairro Bela Vista

A Polícia Militar e o Conselho Tutelar fecharam uma festa que acontecia numa residência na Rua Antônio Caetano Menezes, no Bairro Bela Vista. A abordagem policial aconteceu por volta de 02h30 da madrugada deste sábado (10/08). Ao todo, 16 adolescentes foram identificados na festa, entre eles uma menina de apenas 11 anos.

Segundo informações do boletim de ocorrência, os policiais foram acionados por moradores da região que reclamavam de uma festa na casa, que acontecia com a presença de diversas pessoas e com o som bastante alto. As viaturas policiais foram para o local, porém o suspeito de ser responsável, Samuel Victor Caetano Marins, de 18 anos, pela festa não acatou o pedido da polícia de baixar o volume do som, alegando que só faria o mesmo mediante mandado judicial.

Devida a recusa e por estar em flagrante, os policiais entraram na casa e encontraram cerca de 70 pessoas no local, sendo 16 menores, com idades entre 11 e 17 anos. Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, todos relataram que teriam ingerido bebida alcóolica. O responsável pela casa, Fagner Lima Silva, de também 18 anos, relatou que emprestou o imóvel para Samuel Victor para realização do evento.

Ainda de acordo com as informações policiais, os organizadores do evento cobraram entrada dos participantes do sexo masculino no valor de 10 reais. Os policiais apreenderam a quantia de 81 reais com Samuel. Os militares também encontraram uma garrafa e dois garote de aguardente, que foram apreendidos.

Samuel Victor e Fagner Lima foram conduzidos para a delegacia de Polícia Civil, suspeitos de serem os responsáveis pelo evento. As bebidas alcóolicas encontradas e o aparelho de som da festa foram apreendidos.

Os adolescentes também foram levados para a delegacia de Polícia Civil, acompanhados pelo Conselho Tutelar, e depois liberados para os responsáveis. Ainda na delegacia, compareceu Igor Marcelo Rodrigues Caixeta, de 21 anos, a qual relatou ser responsável por um dos adolescentes. Segundo a ocorrência, ele passou a tumultuar a ação policial e a desacatar os policiais militares. Durante buscas, os policiais encontraram um cigarro de maconha com ele, que acabou preso.


  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
Fotos e informações: Toninho Cury