Travesti embriagada é presa ao andar de calcinha e camiseta nas proximidades de escola no Bairro Sebastião Amorim

Sabrina, como é conhecida, foi presa por perturbação e ato obsceno.

Igor Nunes
10/08/2019 - 11h22

Travesti embriagada é presa ao andar de calcinha e camiseta nas proximidades de escola no Bairro Sebastião Amorim

Uma travesti, de 39 anos, foi encaminhada para a delegacia de Polícia Civil na tarde de sexta-feira (09/08), por perturbação e ato obsceno. De acordo com o boletim, a Polícia Militar foi acionada por moradores relatando que havia uma travesti, que estava só de calcinha, gritando no meio da rua, próximo a uma escola, no Bairro Sebastião Amorim. Além disso, ela também fazia chacota com as pessoas que passavam pela rua.

A princípio, na primeira solicitação, os militares não encontraram o suspeito, porém na segunda solicitação, a travesti, Hélio de Souza Vieira, mais conhecida como “Sabrina”, foi localizado só de calcinha e abordado pessoas, nas proximidades de uma escola. As crianças estavam saindo da escola quando o suspeito foi abordado.

No momento da abordagem, os militares pediram “Sabrina” para se vestir, mas apresentando sintomas de embriaguez, ela não quis e falou “que era travesti, que era gostosa, e que não se vestiria”.

Sabrina foi detida e encaminhada para a delegacia de Polícia Civil por perturbação e ato obsceno.


  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
Fotos e informações: Toninho Cury