Primeiro caso de óbito por Chikungunya de MG é registrado em Patos de Minas, afirma boletim da SES

Além disso, quatro óbitos por dengue foram registrados na cidade em 2019.

Caio Machado
17/07/2019 - 09h53

Primeiro caso de óbito por Chikungunya de MG é registrado em Patos de Minas, afirma boletim da SES Imagem ilustrativa

Segundo o boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de Dengue, Chikungunya e Zika divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES), o primeiro caso de óbito por Chikungunya no Estado foi registrado em Patos de Minas.

Até o momento, quatro óbitos foram registrados por casos de dengue em Patos de Minas, no ano de 2019. O boletim também relata um aumento de 55 casos de suspeita ou confirmação de dengue na cidade, somando 7.006 incidências.

Patos de Minas ocupa a segunda posição da lista de incidência de casos de dengue em municípios do Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba e noroeste, ficando atrás apenas de Uberlândia, com 29.152 registros e à frente de Uberaba, com 4.082.