Perseguição e troca de tiros com bandido em carro roubado deixa rastro de destruição em Patrocínio

A picape do criminoso bateu na bomba de combustíveis de um posto, num carro e numa motocicleta.

Igor Nunes
05/04/2019 - 02h24

Perseguição e troca de tiros com bandido em carro roubado deixa rastro de destruição em Patrocínio

Uma perseguição cinematográfica deixou um rastro de destruição na noite desta quinta-feira (05/04) em Patrocínio. Um criminoso em fuga num carro roubado trocou tiros com a polícia, bateu contra uma bomba num posto de combustíveis e só parou depois de bater violentamente contra um carro e uma moto. Mesmo baleado três vezes e com escoriações pelo corpo, o suspeito foi socorrido com vida ao Pronto-Socorro Municipal de Patrocínio e o quadro de saúde é estável.

Segundo informações da Polícia Militar, a ocorrência teve início em Iraí de Minas, há cerca de 50 quilômetros de Patrocínio. Os policiais receberam uma denúncia de que uma picape RENAULT/Oroch de cor branca, com queixa de furto e roubo, havia abastecido no posto de combustíveis e evadido sentido a Patrocínio.

Os policiais montaram um cerco no trevo da BR-365 com a Avenida Rui Barbosa, principal entrada da cidade. O criminoso desobedeceu a ordem de parada e atirou nos policiais, que revidaram. O bandido ainda desviou do cerco por um posto e atingiu uma bomba de combustíveis. Ele tentou evadir pela Avenida Rui Barbosa.

Outro cerco bloqueio foi feito mais a frente, no viaduto sobre a linha férrea, porém ele também conseguiu desviar. O bandido perdeu o controle do veículo e cruzou a Avenida Jacinto Barbosa já desgovernado. O motorista do carro VW/Polo branco havia acabado de fazer a conversão para a Avenida Rui Barbosa e foi atingido na traseira pela picape, conduzida pelo criminoso. Após a batida, a caminhonete ainda atingiu uma motocicleta que estava estacionada.

O motorista do VW/Polo sofreu escoriações e se queixava de dores no pescoço. Ele foi levado por uma viatura da Polícia Militar até o Pronto-Socorro Municipal de Patrocínio. Já o suspeito, identificado como Eduardo Martins, de 36 anos, foi baleado com dois tiros no braço e outro no joelho, além de sofrer escoriações pelo corpo. Ele foi socorrido pela equipe do Tático Móvel da Polícia Militar e também foi levado para a unidade de saúde.

Eduardo possui diversas passagens pela polícia, inclusive por roubo e homicídio. Ele havia deixado o sistema prisional recentemente e teria tomado a caminhonete de assalto  à mão armada no dia 31 de março em Uberaba/MG. Apesar dos ferimentos, o quadro de saúde do suspeito é estável.

A perícia da Polícia Civil esteve no local para apurar a dinâmica dos fatos. O carro VW/Polo branco havia sido retirado da concessionária há cerca de um mês e ficou destruído. Este veículo tinha seguro. A picape e a motocicleta também ficaram bastante danificadas.


  • Galeria
  • Galeria
  • Publicidade
  • Galeria
  • Galeria
  • Publicidade
  • Galeria
  • Galeria
  • Publicidade
  • Galeria
  • Galeria