Corpo em avançado estado de decomposição é encontrado em meio a cafezal em Patrocínio

O cadáver ainda não identificado foi encontrado no cafezal de uma fazenda no distrito de Macaúbas de Cima.

Igor Nunes
04/04/2019 - 18h36

Corpo em avançado estado de decomposição é encontrado em meio a cafezal em Patrocínio

Um cafeicultor encontrou o corpo de um homem em meio ao cafezal da própria fazenda, situada a três quilômetros do distrito de Macaúbas de Cima, no município de Patrocínio. O cadáver foi encontrado no início da tarde desta quinta-feira (04/04) e estava em avançado estado de decomposição.

Segundo informações passadas pelo cafeicultor, ele fazia a pulverização do café quando deparou com o corpo em meio ao cafezal. Assustado, ele correu até a sede da fazenda e acionou a Polícia Militar. “Nunca tinha me deparado com uma situação destas”, afirmou.

Uma equipe da Polícia Militar e outra da perícia da Polícia Civil estiveram no local. O cadáver era do sexo masculino com idade ainda não determinada. Tinha cabelo cumprido crespo, barba, era pardo e tinha uma tatuagem de uma carpa nas costas. O homem estava sem camisa, com bermuda e sapa-tênis.

Ainda de acordo com a perícia, a provável causa da morte foi por asfixia. O próprio cadarço do sapa-tênis foi enrolado duas vezes no pescoço e amarrado com nó cego. O corpo foi levado para o IML – Instituto Médico Legal de Patrocínio, onde passará por mais exames para apurar a causa da morte.

Os policiais também disseram que não foi possível apurar a causa da morte. A principal suspeita é se tratar de um autoextermínio, porém a polícia não descarta um possível homicídio. Os investigadores da Polícia Civil já trabalham para tentar identificar a vítima, como também a causa da morte.  


  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Patos Notícias
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria