Dupla é presa por suspeita de envolvimento em homicídio no distrito de Guarda de Ferreiros

O crime ocorreu no último domingo (10).

11/02/2019 - 09h20

Dupla é presa por suspeita de envolvimento em homicídio no distrito de Guarda de Ferreiros

No final da tarde desta domingo (10), Marcelo da Silva, de 25 anos, natural da cidade de Maribondo/AL, foi morto após ser esfaqueado em um bar no distrito de Guarda dos Ferreiros. Dois suspeitos de envolvimento identificados como Joilson Cardoso Borges, 36, conhecido como “Índio”, natural de Trizidela do Vale/MA e Raimundo Nonato Ribeiro da Cruz, 31, natural de Codo/MA foram presos pela polícia. A facada usada no crime foi apreendida.

De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar (PM) foi acionada a comparecer ao Bar da Loura, onde segundo as informações, um indivíduo de apelido “Índio”, teria esfaqueado uma pessoa. Ao chegar no local, os militares encontraram a vítima caída no chão em frente ao bar, sendo acionado uma ambulância que a socorreu ao pronto socorro da cidade de São Gotardo.

De posse das características, a PM iniciou os rastreamentos e numa ação rápida, os militares conseguiram localizar o suspeito Joilson Cardoso Borges “Índio”, as margens da rodovia BR-354 saindo de uma plantação de milho acompanhado do amigo Raimundo Nonato Ribeiro da Cruz, carregando um saco de milho furtado na lavoura.

Ao perceber a presença policial, Joilson tentou dispensar a faca jogando-a no meio de uma moita de capim. Em conversa com os militares, Joilson disse que estava no bar da Loura juntamente com a vítima fazendo uso de bebida alcoólica e que em certo momento, por motivos de ciúmes com a proprietária do bar, tiveram um desentendimento. Durante a discussão, já do lado de fora do bar, Joilson disse que Marcelo partiu para cima dele com uma faca tento atingido com um golpe.

Joilson disse ainda que durante a discussão, por estar embriagado, Marcelo desequilibrou e caiu em cima da faca, vindo a se ferir e que ainda ele se levantou e correu para o bar. Já o outro envolvido Raimundo Nonato disse para os militares que Índio reside com ele em um barraco que fica nas margens da rodovia e que estava na lavoura, momento que Índio chegou o ajudou a colher os milhos, não sabendo nada a respeito do homicídio.

Segundo a polícia, ao ser abordado, Índio confirmou que discutiu com Marcelo e ainda perguntou se ele teria morrido. Após a prisão dos envolvidos, os militares descolaram para o pronto socorro onde foram informados que Marcelo morreu após não resistir aos ferimentos. Marcelo foi atingindo por dois golpes, sendo um no tórax e outro no abdômen.

A Polícia Militar disse ainda que a dona do bar não foi localizada para apresentar a versão, haja vista que segundo as testemunhas, ela foi o pivô da discussão que gerou a morte de Marcelo, inclusive o bar se encontrava fechado.

Os dois suspeitos foram presos e encaminhados para o quartel da Polícia Militar de São Gotardo. Joilson foi preso suspeito de homicídio e Raimundo por envolvimento no crime e por furto do saco de milho.

Fonte e Fotos: Toninho Cury