Assaltantes de relojoaria em fuga batem em viatura e são presos pela Polícia Militar

Os criminosos assaltaram uma relojoaria na Avenida Brasil e na fuga bateram contra uma viatura da Polícia Militar no Bairro Sorriso.

Igor Nunes
30/11/2018 - 11h34

Assaltantes de relojoaria em fuga batem em viatura e são presos pela Polícia Militar

Uma ação rápida da Polícia Militar resultou na prisão de dois assaltantes na manhã desta sexta-feira (30/11). O assalto foi numa relojoaria da Avenida Brasil, no Bairro Brasil. Os suspeitos foram presos na mata que fica às margens do Bairro Sorriso, após baterem com a moto contra uma viatura da Polícia Militar. Outro envolvido, que seria receptador do material roubado, também foi detido. 
Segundo informações repassadas pelo sargento Faria e pela tenente Cristina da Polícia Militar, uma pessoa ligou no telefone 190 e informou que havia acontecido um roubo a uma relojoaria na Avenida Brasil. Dois criminosos, sendo um deles armados com pistola, renderam o proprietário e um vendedor de joias que estavam local. Após roubar pertences das vítimas e da empresa, os criminosos fugiram uma motocicleta Yamaha/YBR de cor azul. 
Durante a fuga, já no Bairro Sorriso, os criminosos bateram contra uma viatura da Polícia Militar, que fazia um cerco bloqueio. Após a queda, os suspeitos fugiram. Um deles foi detido num lote vago do Bairro Sorriso e outro no meio da mata, após um intenso rastreamento. Um dos envolvidos levou os policiais ao local onde estavam os materiais furtados. A arma usada no crime é uma réplica de pistola. 
Ainda durante os trabalhos, os policiais apreenderam outra motocicleta de mesma marca, porém de cor vermelha e que havia sido pintada de preta pelos criminosos. Um rapaz de 28 anos, suspeito de ser o receptador do material roubado e da motocicleta de cor preta foi preso. 
Pablo Bomtempo da Silva Marques, 20 anos, e Mauro Vinicius Expedito Silva, 19 anos, são os suspeitos do roubo. Paulo Ricardo de Oliveira Silva, 28 anos, foi detido por receptação. Eles foram levados para a delegacia de Polícia Civil, juntamente com o material apreendidos. As duas motocicletas, sendo que ambas são produtos de furto, foram encaminhadas para o depósito credenciado ao DETRAN/MG.


  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
Fotos e informações: Toninho Cury