Três ocorrências policiais ligadas às eleições são registradas em Patos de Minas

Uma pessoa estava vendendo bebida alcóolica, um mesário denunciou violação de lacre da urna e adesivos foram afixados na porta de colégio eleitoral.

Igor Nunes
28/10/2018 - 18h51

Três ocorrências policiais ligadas às eleições são registradas em Patos de Minas

A Polícia Militar fez toda a segurança deste segundo turno das eleições 2018 em Patos de Minas. Ao todo, três ocorrências foram registradas pelos policiais. Uma pessoa estava vendendo bebida alcóolica, um mesário denunciou violação de lacre da urna e adesivos foram afixados na porta de colégio eleitoral.

Segundo o subcomandante do 15º Batalhão da Polícia Militar, Major R. Santos, as eleições em Patos de Minas aconteceram de forma tranquila. Uma ocorrência foi que pessoa foi detida porque estava vendendo bebida alcóolica. Ela foi detida pelo crime de desobediência.

Além disso, um presidente da mesa de uma seção eleitoral denunciou que um lacre da urna não estava de acordo e registrou um boletim de ocorrência. A Polícia Militar também registrou um boletim de ocorrência referente aos adesivos que foram afixados na porta de um educandário, porém não foi possível saber autoria do crime eleitoral.

O juiz de direito, Joamar Gomes, também ressaltou que o segundo turno das eleições em Patos de Minas ocorreu de forma tranquila. Ele disse que houve apenas três urnas que tiveram que ser substituídas, o que é comum durante as eleições. “Houve a substituições de urnas, mas sem nenhum prejuízo para a coleta de votos”, ressaltou.  

Foto: Bruno Pires