Com parceria fortalecida, ambulatório para o tratamento de feridas do UNIPAM é transferido para Centro Clínico

O ambulatório para o tratamento de feridas crônicas atende aproximadamente, 30 pacientes, dos quais 10 foram encaminhados pela SMS, nas últimas semanas.

11/10/2018 - 09h27

Com parceria fortalecida, ambulatório para o tratamento de feridas do UNIPAM é transferido para Centro Clínico

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) tem buscado parcerias para melhorar o tratamento dos pacientes que necessitam de acompanhamento no tratamento de feridas crônicas. Dessa forma, desde o início de outubro, o ambulatório para o tratamento de feridas crônicas do Centro Universitário de Patos de Minas (UNIPAM) começou a atender no Centro Clínico Universitário (CCU), localizado na Avenida Marabá, onde também funcionam a Clínica de Especialidades da Prefeitura e o Centro Integrado de Assistência à Saúde (CIAS).

De acordo com a Coordenadora de Serviços Especializados, Ana Carolina Magalhães Caixeta, com a ida do ambulatório para a CCU, a Secretaria Municipal de Saúde poderá fortalecer a parceria com o Unipam e expandir a quantidade de pacientes com feridas crônicas atendidos pelo ambulatório da instituição. “O Centro Clínico é muito grande e tem capacidade para entender muitos pacientes. Com a vinda do ambulatório, nós conseguiremos articular novos atendimentos e aumentar a equipe de trabalho, uma vez que a unidade é muito bem equipada e possui tecnologias avançadas”, destacou Ana Carolina. Ela informou, também, que de imediato a SMS destinou uma servidora para auxiliar nos atendimentos do ambulatório.

O ambulatório para o tratamento de feridas crônicas atende  aproximadamente, 30 pacientes, dos quais 10 foram encaminhados pela SMS, nas últimas semanas. Ana Carolina informou que os pacientes que realizam tratamento no ambulatório são encaminhados pela SMS mediante uma avaliação e disponibilidade de vagas. Para o próximo ano, a secretaria fará um mapeamento dos pacientes e montará o sistema de lista de espera para conseguir atender melhor a esses pacientes.

Fonte e Fotos: ASCOM Prefeitura de Patos de Minas