Elus Ambiental busca parceria para realização de projetos educacionais e sociais em Patos de Minas

A organização busca a parceria de empresas, Prefeitura Municipal e demais esferas do Poder Público.

07/08/2018 - 10h09

Elus Ambiental busca parceria para realização de projetos educacionais e sociais em Patos de Minas

Fundada em 2006 e com sede em Campinas, a Elus Ambiental, uma Organização Civil de Interesse Público (OSCIP) chega a Patos de Minas com a proposta de desenvolver programas e projetos relacionados à educação, meio ambiente, cultura, inclusão digital, defesa e conservação do patrimônio histórico e artístico. Para realizar tais programas, a organização busca a parceria de empresas, Prefeitura Municipal e demais esferas do Poder Público.  

Na última semana, o presidente da OSCIP, Júlio Cesar cumpriu diversos compromissos no município, um deles foi a visita à Prefeitura Municipal, onde foi recebido pelo prefeito José Eustáquio Rodrigues. Na ocasião, o representante da organização oficializou a instalação do escritório da Elus em Patos de Minas e explanou ao chefe do executivo todas as possibilidades de parceria com a OSCIP, uma delas, a celebração de parceria com as três esferas do Poder Público, Municipal, Estadual e Federal sem a exigência de um processo licitatório, isso porque, o estatuto da entidade permite que os recursos captados através de empresas, e por meio de dedução do imposto de renda, sejam aplicados diretamente nos programas de interesse público e grande alcance social.

Em seu portfólio, a Elus tem parcerias com empresas como a Honda Automóveis do Brasil, B/S/H, Tetra Pak; instituições como a Prefeitura Municipal de Sumaré e Prefeitura de Hortolândia. Dentre diversos programas já realizados, a OSCIP firmou parceria com diversas universidade para viabilizar o Programa de Compensação de Emissões de Gás Carbônico, mais conhecido como Carbon Control. Um dos principais objetivos do programa é o reflorestamento das margens do Ribeirão Quilombo e do Rio Jacuba, no Estado de São Paulo, garantindo maior qualidade de vida aos municípios daquela região.

Também como ações de destaque da Elus, estão a produção e distribuição de livros didáticos, realização de atividades nas escolas, envolvendo teatro, cinema, passeios, palestras e oficinas e programa de arborização de áreas urbanas. O mascote da Elus, o “Recicladinho” criado pelo presidente da OSCIP, como uma forma de abordar o tema da reutilização de materiais recicláveis de uma forma lúdica, já rendeu a publicação de um livro com 64 páginas de papel reciclado. Em sua 1º edição, o livro teve uma tiragem de 30 mil exemplares que foram distribuídos nas escolas de São Paulo.

Ainda em Patos de Minas, o presidente da Elus visitou a Cemil, onde foi recebido pelos representantes da área fiscal e financeira da empresa. Júlio César mais uma vez reafirmou o compromisso da OSCIP em Patos de Minas e região, e explicou sobre a lei que permite a dedução de até 100% do Imposto de Renda de empresas, que permitem que a organização elabore e execute projetos personalizados, que podem ser implantados tanto internamente, quando em âmbito comunitário, que rendem aos seus parceiros um selo de empresa com responsabilidade ambiental.

Durante o encontro, Júlio César ainda propôs a parceria com a Cemil para a realização do Primeiro Encontro dos Profissionais do Meio Ambiente das empresas de Grande Porte de Patos de Minas e Região, com o intuito de disseminar informações sobre a sustentabilidade e promover networking entre as empresas e convidados participantes. O evento deve acontecer no dia 21 de setembro, data em que se comemora o Dia da Árvore.

AMAPAR – Com o objetivo de expandir ainda mais sua atuação, a Elus Ambiental participou da reunião da AMAPAR no último dia 03 de agosto, onde estiveram presentes diversos prefeitos da região. A Associação dos Municípios do Alto Paranaíba, acreditando na proposta da OSCIP, abriu as portas para viabilizar a instalação da organização em Patos de Minas.

Na oportunidade, Júlio César novamente explanou todas as possibilidades de parceria com o Poder Público Municipal e nos próximos dias, deve cumprir agenda com todos os prefeitos do Alto Paranaíba. A proposta é que os gestores sejam também facilitadores e divulgadores da proposta da Elus em suas cidades, viabilizando parcerias com o setor privado.  

Fonte e Fotos: Rejane Gomes