Com o afastamento de Aécio, Elmiro Nascimento poderá assumir o senado de Minas Gerais

O empresário patense afirmou que só irá se pronunciar sobre a situação após um comunicado oficial do afastamento de Aécio Neves.

Caio Machado
18/05/2017 - 11h03

Com o afastamento de Aécio, Elmiro Nascimento poderá assumir o senado de Minas Gerais

Na manhã desta quinta-feira (18), o STF (Supremo Tribunal Federal) pediu pelo afastamento de Aécio Neves do cargo de senador de Minas Gerais.

Citado numa reportagem do jornal O Globo, o presidente nacional do PSDB aparece em uma gravação solicitando 2 milhões  de reais em propina ao empresário Joesley Batista, do grupo JBS.

Com o afastamento iminente de Aécio Neves, o empresário patense Elmiro Alves do Nascimento (DEM) poderá assumir o cargo de senador e finalizar o mandato.

1º suplente de Aécio Neves desde o ano de 2010, o ex-prefeito patense atuou como deputado estadual por cinco mandatos.

A equipe da Band Triângulo entrou em contato com Elmiro Nascimento que afirmou que só irá se pronunciar sobre a situação após um comunicado oficial do afastamento de Aécio Neves.

 

Entenda o escândalo

A gravação liberada na noite desta quarta-feira (17), também mostra que o presidente Michel Temer deu aval para pagar pelo silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha. O governante nega.

A Procuradoria solicitou a prisão de Aécio Neves, porém o relator da Lava Jato, Edson Fachin enviou o pedido ao plenário do STF e afastou o senador.

Até o momento, foram presos Andrea Neves, irmã de Aécio e Frederico Pacheco de Medeiros, primo do senador.

A operação continua e se estende no gabinete de Aécio Neves no congresso e nos imóveis do senador localizados em Brasília, Rio de Janeiro e Minas Gerais.