Vereador acusado de desviar verba de idosos emite nota de esclarecimento à imprensa

Itamar André dos Santos alega serem infundadas as acusações de cobranças de percentagem e retenção dos cartões dos beneficiários.

Caio Machado
24/03/2016 - 09h34

O vereador Itamar André dos Santos enviou nesta quarta-feira (23/03), uma nota de esclarecimento à imprensa com relação à denúncia formulada pelo Ministério Público de Minas Gerais. Itamar é acusado de reter cartões de aposentados de Pindaíbas e desviar parte da verba para benefício próprio.

Na nota, o vereador alega que as acusações são infundadas e que a promotoria não teria ouvido diretamente as vítimas do caso. Itamar atribui como inverdade a versão apresentada pelo Assistente Social e enaltece a confiabilidade, mostrando-se otimista da própria inocência.

Leia o texto na íntegra a seguir:

 

Nota de esclarecimento à Imprensa - Gabinete Vereador Itamar André dos Santos

 

Em relação à denúncia formulada pelo Ministério Público de Minas Gerais e às respectivas notícias divulgadas, cumpre-me o dever de esclarecer o que segue:

São totalmente infundadas as acusações de “cobrança” de percentagem para auxílio na obtenção de Benefício de Prestação Continuada (BPC) e de “retenção” indevida de cartão dos beneficiários.

O digno promotor oficiante não ouviu diretamente as supostas vítimas, se baseando em mero relatório redigido por Assistente Social.

A versão apresentada pela Assistente Social não reflete a verdade e, muito menos, aponta para a existência de cometimento de qualquer irregularidade, tão pouco de crime, até porque sou, inclusive, o curador de uma das supostas vítimas, possuindo, portanto, autorização judicial para gerir o referido benefício, o que venho fazendo com o devido zelo e responsabilidade.

Os que me conhecem, sabem da minha conduta e que sempre ajudei os moradores de Pindaíbas, em especial as pessoas idosas e os deficientes, que merecem todo o nosso respeito e consideração.

Confio na Justiça, nas pessoas de bem e estou certo que a verdade irá prevalecer.

 

Itamar André dos Santos – Vereador