Dominando a tecnologia no campo

O curso de “Mecanização Agrícola com foco na Agricultura de Precisão” é oferecido pelo SENAR.

Assessoria de comunicação do SENAR
07/10/2014 - 23h59

Dominando a tecnologia no campo

O grande desenvolvimento da agricultura no Brasil nas últimas décadas deve-se principalmente ao avanço da tecnologia, que possibilitou o emprego de máquinas com maior capacidade e qualidade operacional. Por um lado, ao substituírem a mão de obra, elas alcançam eficiência máxima no campo gerando o aumento das produtividades agropecuárias. Por outro lado, demandam um conhecimento elevado dos operadores e a qualificação necessária destes não acompanhou o rápido desenvolvimento tecnológico. 
Pensando nisso, o Senar – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural tem levado o curso de “Mecanização Agrícola com foco na Agricultura de Precisão” para diversas cidades do estado. A grande demanda e o interesse por parte dos próprios agricultores resultaram no sucesso desta ideia.
O módulo básico do curso tem duração de 40 horas e um dos principais intuitos é mostrar o verdadeiro significado e a importância da Agricultura de Precisão. Os participantes também são auxiliados quanto ao GPS, características e capitação dos tipos de sinais, modo de trabalho dos equipamentos, controles de aplicação e outros diversos assuntos relevantes à atividade.
Para o mobilizador da Cooperativa Agropecuária de Unaí Ltda, Geraldo Isidoro do Nascimento, os cursos oferecidos pelo Senar Minas, é uma grande oportunidade que os produtores tem para melhorar a capacidade de seus operadores no domínio de suas modernas máquinas agrícolas. “O maior desafio que temos enfrentado é a baixa escolaridade dos participantes. A metodologia de ensino adotada pelo Senar Minas tem sido uma grande ferramenta para vencer este desafio, e assim, os resultados são cada vez melhores.”, completou.
O instrutor do Senar Minas, Wanderley Freire de Barros Filho, esclarece que o domínio dessas novas tecnologias está atraindo profissionais cada vez mais jovens para o campo. “Devido à necessidade dos conhecimentos da computação, os jovens estão atuando mais nessa área profissional. Mesmo com os grandes benefícios gerados pela tecnologia, os mais velhos ficam mais resistentes”, conta.
Com as capacitações oferecidas pelo Senar, os avanços estão sendo notados em todas as regiões. Os resultados aparecem no aumento da produtividade, na redução dos desperdícios, na maior empregabilidade da mão de obra, na melhoria dos salários e no respeito ao meio ambiente. “A mão de obra treinada tem como resultado prático a sustentabilidade econômica, social e ambiental”, destaca o gerente regional do Senar em Patos de Minas, Sérgio de Carvalho Coelho.
 

Patos Notícias


Patos Notícias


Patos Notícias