Personalidades que contribuem para do desenvolvimento agropecuário são agraciados com a Comenda Antônio Secundino de São José

A honraria é outorgada a personalidades e instituições que prestaram e continuam prestando relevantes serviços pelo desenvolvimento da agropecuária e pela preservação do meio ambiente.

Igor Nunes
06/06/2014 - 23h59

Personalidades que contribuem para do desenvolvimento agropecuário são agraciados com a Comenda Antônio Secundino de São José

O Governo do Estado de Minas Gerais realizou na noite desta quinta-feira mais uma entrega da Comenda Antônio Secundino de São José. Criada em 1991, a honraria é outorgada pelo Governo do Estado, anualmente, a personalidades e instituições que prestaram e continuam prestando relevantes serviços pelo desenvolvimento da agropecuária e pela preservação do meio ambiente. O evento aconteceu no House Fest, situado na Avenida Fátima Porto. 
Três patenses estavam entre os 11 agraciados com a comenda. o professor Milton Roberto, Reitor do UNIPAM, o artista plástico, Vicente Nepomuceno e o, membro das Lojas Maçônicas de Patos de Minas (MG), Osvaldo Ferreira Filho. Também receberam a homenagem Jorge Caixeta, Assessor da Liderança do Governo na ALMG; André Merlo, Secretário de Agricultura de Minas Gerais; Deiró Marra, Deputado Estadual; Zélia Inês Portela Lobato, Professora da UFMG; Jadir Maurício Lanza Rabelo, representante do Sindicato de Sete Lagoas; Antônio Eustáquio Vieira, presidente da ONG Movimento Verde; Nilton Cury, professor da UFLA; e Sérgio YoshimtsuMotoike, pesquisador da UFV. 
A honraria foi criada em 1991 através de um projeto de lei do então deputado Elmiro Nascimento. O inspirador da comenda, Antônio Secundino de São José, nasceu na Fazenda do Onça, no então distrito de Santa Rita dos Patos, hoje município de Presidente Olegário. Em 1931, formou-se como engenheiro agrônomo pela Escola Superior de Agricultura do Estado de Minas Gerais, em Viçosa. Foi estudar no exterior, e, quando retornou, fundou a Agroceres, empresa que há 60 anos se dedica à pesquisa de sementes e ao agronegócio, responsável pela introdução do milho híbrido no Brasil.
O Secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo Ferraz, foi quem entregou a honraria, representando o Governador de Minas Gerais, Alberto Pinto Coelho, que não pode estar presente. Após as homenagens e os discurso, foi servido um jantar com música ao vivo.  
 
Fotos: Toninho Cury

Patos Notícias


Patos Notícias


Patos Notícias